Evento TrilhasDay

 

No dia 25/07/2019, realizamos um grande evento para o Vamos Subir, o primeiro TrilhasDay. O TrilhasDay tem como objetivo abordar os assuntos que nós tratamos no “TRILHAS”, nessa esfera do projeto tratamos sobre alguns assuntos com o objetivo de melhor preparar os jovens para o mercado de trabalho.

Descubra um pouco mais sobre o TRILHAS clicando no link abaixo:

 

https://www.vamossubir.com/o-que-e-o-trilhas

 

Com a proposta de lançar o Trilhas em cadeia Nacional, realizamos um evento em parceria com a Genial Investimentos que, gentilmente, nos forneceu espaço físico e nos ajudou a realizar uma live para milhares de pessoas no em todo Brasil, que puderam acompanhar em tempo real.

 

Mais uma vez engajamos os participantes a doar uma peça de roupa para pessoas em situação de vulnerabilidade, assim lembramos um de nossos propósitos “give back”, recebemos conhecimento, doamos o calor de uma peça de roupa.

Contamos com as participações de um time de executivos que prontamente se dispuseram a abrir espaço em suas agendas, abriram mão do conforto de seus lares em uma noite gelada em São Paulo, para transmitirem conhecimento de forma gratuita. Novamente queremos agradecer imensamente pela ajuda de todos.

 

 

Claudio Pracownik - CEO Genial Investimentos

Fernando Demattio - CIO Siemens

João Branco - CMO - McDonald´s 

Denise Barbosa - ex jornalista da Globo News, atual consultora de Conteúdos da Genial Investimentos.

 

 A dinâmica do evento foi bem simples, fomos conduzidos por Denise com toda sua simpatia, e cada um dos executivos falou sobre um tema que temos no Trilhas, no fim tivemos algumas perguntas e respostas. 

 

Não pode ir ao evento ou acompanhar a Live on line? Não tem problema, a gente vai trazer um resumo pra vocês, é só terminar de ler esse artigo e acompanhar nossas redes sociais para não perder os próximos eventos.

 

 

Cláudio – CEO, Genial Investimentos

Descoberta de Propósito.

 

O primeiro a falar foi o Cláudio CEO da Genial, ele falou sobre Descoberta de Propósito, trouxe uma visão pessoal sobre o assunto e alguns conselhos sobre o tema que ele aprendeu durante sua carreira.

Claudio comentou que durante sua carreira identificou 3 habilidades fundamentais para poder entender seu propósito de carreira.

“3 habilidades fundamentais para descoberta de propósito

Informação,

Habilidade,

Desejo.”

 

  • Informação:

 

Para descobrirmos nosso propósito precisamos desenvolver o autoconhecimento, o autoconhecimento nos proporciona entender aquilo que aceitamos ou não em uma empresa, entendemos qual área nós nos identificamos mais em nossa atual fase de vida; precisamos saber se queremos impactar o mundo criando tecnologias para preservação ambiental, se queremos ser um(a) grande autor(a), ator/atriz, engenheiro(a), CEO e etc.

Quando conseguimos adquirir informação sobre áreas de atuação e estudo, conseguimos mais facilmente definir nosso propósito.

Para Claudio não é opinião, a informação é uma commodity – tem valor no mercado, existem diversas empresas hoje que trabalham somente com detenção de informação do nicho em que atuam. Quanto mais informação temos, mais valor para uma empresa ou segmento nós teremos, sendo assim conseguimos nos destacar no mercado.

No link, temos o valor da informação tratado no âmbito empresarial, sugerimos que leia e substitua “empresa” por “pessoa”.

 

https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/administracao/o-valor-da-informacao-para-a-organizacao/51542

 

 

  •  Habilidade técnica:

Nesse ponto Claudio já foi mais categórico:

“Precisa desenvolver, precisa ter resiliência”

Seria utópico pensarmos que um médico sem habilidades técnicas seja capaz de realizar uma cirurgia, ou que um profissional de TI que não conhece nada sobre a área seja capaz de gerir uma rede em qualquer instituição.

Dentro da descoberta de propósito precisamos desenvolver a habilidade técnica específica para a área que desejamos atuar.

Talvez você pense, “não decidi meu propósito, como saber quais habilidades desenvolver?”

Sua dúvida é genuína, podemos direcionar nosso pensamento nesse momento no processo do autoconhecimento buscar habilidades que sejam “naturais”, ou talentos que sejam nossos sem muito esforço,alguns tem o dom da oratória, outros conseguem gerir equipes, existem diversas habilidades que já nascem conosco e muito provavelmente, conhecendo-as, conseguiremos alcançar nosso propósito real.

 

  • Desejo:

Para Claudio o desejo é fundamental, não adianta seguir os dois últimos passos sem desejar segui-los.

“Diferente dos outros dois, vem de dentro, não é fácil ter desejo, o importante é saber o que quer fazer.Não adianta ter todas ferramentas e não desejar utilizá-las.” Comentou Claudio.

Claudio nos deixou uma mensagem final em termo de propósito:

“Torna-te quem tu és.”

O grande desafio é entender quem você é, e se tornar essa pessoa. Corra atrás do seu sonho, corra atrás do seu desejo. A porta do desejo só se abre do lado de dentro, existem mistérios lá dentro. Finalizou Claudio.

 

Fernando Demattio – CIO Siemens

Escolha de carreira.

 

Já na segunda parte do evento o CIO da Siemens , Fernando Demattio trouxe algumas reflexões, confira:

 

“O que o mundo precisa?

O que dá dinheiro?

O que você ama?

No que você é bom?”

 

Para Fernando, quando conseguimos responder essas 4 questões, alinhadas com nosso propósito, conseguimos escolher uma carreira que nos levará onde queremos ir.

 

Você precisa fazer pequenos experimentos, para poder descobrir no que você é bom, e aquilo que você quer fazer.” Comentou Fernando.

 

 “A maior medida é aquilo que a gente sente.A sua busca é a sua verdade.”

Já tratamos no blog outras vezes sobre não pautar nossa vida, escolhas e carreira na régua de outras pessoas. Sucesso para você é diferente do sucesso de outra pessoa, alguns querem dinheiro, outros status, alguns querem tempo com a família, nenhuma dessas definições de sucesso estão erradas, somente são definições de pessoas diferentes.

 

“Existem maneiras de se aprender pouco a pouco. Você precisa buscar seu equilíbrio.”  Afirmou Fernando.

 

Fernando terminou falando um pouco sobre sermos receptivos ao que é novo, a famosa “SERENDIPIDADE”, podemos também dizer que precisamos ser resilientes ao entendermos que mudanças ocorrem, o mercado muda e precisamos estar abertos ao que é novo sempre.   

“Dar boas vindas ao que é novo.”

 

João Branco - CMO McDonald's

Networking

 

João já é conhecido aqui no Vamos Subir, recentemente tivemos um evento com ele, e temos o artigo sobre tudo o que tratamos, confira:
https://www.vamossubir.com/single-post/2019/05/31/10-perguntas-sobre-trabalho-que-n%C3%A3o-est%C3%A3o-no-Google---palestra-com-Jo%C3%A3o-Branco

 

João foi o terceiro a falar, também começou com algumas provocações a quem estava participando do evento.

 

"Quem seriam as 5 pessoas que você ligaria para pedir uma opinião sobre aceitar ou não uma proposta de emprego?

 Quem são as pessoas, que AGORA, você ligaria para pedir um conselho? Quem são as pessoas de sua confiança?

Você é hoje uma das 5 pessoas de alguém?

Pra quem você ligaria para pedir um conselho profissional?"

 

João contou um pouco sobre sua carreira e como o Networking o ajudou a chegar na posição que ocupa hoje. 

 

“Pedir ajuda para quem sabe resolver o seu problema.”

João afirmou que não podemos pedir conselhos sobre carreiras para quem não tem ou teve uma, não podemos pedir conselhos sobre como sair das dívidas para quem tem dívidas.

João também trouxe um pouco sobre sua visão pessoal de Networking. 

 

Networking Não é:

Pedir ajuda para todos, ou falar sobre seus problemas com todos.

Puxar Saco, ou adular.

Conectar com todos no linkedin.

Ser inoportuno.

 

Networking é:

 “ – Interesseiro e + interessado”

Constância – Manter contato, ser cordial e buscar informações.

Ser pessoal.

Ter um interesse genuíno nas pessoas com quem fala e pede conselhos.

Perceber as oportunidades.

Saber que está tudo bem se você não ganhar nada.

Para João não devemos fazer Networking esperando algo em troca.

 

João terminou afirmando:

“SEJA CARA DE PAU”

Precisamos reconhecer que somos incompletos, e que precisar buscar em outras pessoas coisas que podemos complementar.

 

Após as falas do João, trouxemos um tempo para perguntas e respostas, separamos algumas para você conferir.

 

 

Perguntas

 

Renato (participante) - Quais dicas vocês dão para quem está buscando uma recolocação?

 

 Fernando (Siemens) -  Seja pessoal, fale com as pessoas eventualmente face a face, a pessoa vai lembrar mais tarde de você.

As pessoas lembram mais de você quando você se demonstra interessado por ela (ajudar, informações e etc.)

Planeje antes de falar, liste nomes, escreva perguntas que tenham a ver com a pessoa com quem vai falar.

Você tem uma formulação única não esqueça disso.

 

 João  (McDonald's) -  Se você está mudando de área porque tem a convicção “legal”, se não tem convicção, repense e analise bem, muitas vezes em momentos de recolocação, nós temos a oportunidade única de refletir e analisar nossa carreira, para buscar com consciência o que queremos.

 

Cláudio (Genial) -  Tem que utilizar bem seu tempo, precisa se empoderar. Não importa a sua idade, o que importa o que acontece no meio do caminho. Se sinta jovem, viva, se capacite, não importa de onde você saiu, você está no meio do caminho.

 

 

 

Fernando (participante) - Qual o preço que as pessoas pagam pelo sucesso? Qual sua dica para conciliar e equilibrar tudo?

 

João (McDonald's) -  A vida é um todo, precisamos equilibrar. O equilíbrio de cada um é algo pessoal, a dica é, faça sua avaliação do que é equilíbrio.

 

 

 

Rafael (participante) -  Com o excesso de informação, como vocês se atualizam sobre o mundo, e como fazem a separação do que é relevante? 

 

João (McDonald's) - Se atualizar é questão de sobrevivência, eu falo com pessoas que sabem mais do que eu em assuntos que eu quero saber.

 

Cláudio (Genial) - Eu leio muito, quando leio me informo, me atualizo com pessoas. Você tem que ouvir querendo ouvir.

 

Fernando (Siemens) -  Eu leio muito, escuto podcasts, sou viciado em aprender.

 

 

 

 

Érik (participante) – Que conselhos vocês dão pra quem está começando carreira?

 

 Cláudio (Genial) -  Nós estamos abertos a mudar o tempo inteiro. Jamais seja prisioneiro do seu desejo. Tenha coragem de mudar o seu desejo.

 

João (McDonald's) -  O que é sucesso pra você?

 

Fernando (Siemens) -  Se planeje, mas não se apaixone por seu planejamento, as coisas são voláteis. Não precisa ter medo.

 

Nossa equipe agradece de coração o empenho e participação de todos, com certeza o TrilhasDay foi um marco e vamos trabalhar cada vez mais para impactar pessoas.

E aí, gostou desse conteúdo? Não perca mais NENHUM evento, cadastre-se no site, nos siga nas redes sociais e fique por dentro de tudo.

 

 #VAMOSSUBIR🚀🚀🚀

 

 

LinkedIn do autor: https://www.linkedin.com/in/philippeduartebeltrani/

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga-nos nas redes sociais!

©2020 Vamos Subir - Todos os direitos reservado

Vamos Subir

CNPJ 35.234.052/0001-07

Rua dos Pinheiros 870, Pinheiros, São Paulo, 05422-001

oi@vamossubir.com.br

  • LinkedIn ícone social
  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social
  • YouTube ícone social